Porta Corta Fogo Sincol Porta Corta Fogo Sincol

Porta corta-fogo: mitos e verdades sobre

4 minutos para ler

As portas corta-fogo são equipamentos fundamentais para a segurança de residências e prédios comerciais. Desenvolvidas para impedir que fogo ou fumaça se alastrem em edificações residenciais e comerciais, contam com componentes específicos para realizar essa proteção. 

 

Por esse motivo, podem ser consideradas parte integrante de sistemas de proteção contra incêndio. Apesar do controle e eficiência do produto, muitos profissionais ainda têm dúvidas na hora de incluí-los nos projetos. Desse modo, elaboramos um artigo para apontar os mitos e verdades sobre a porta. 

 

O que são portas corta-fogo?

 

A princípio é relevante esclarecer que as portas corta-fogo são peças resistentes ao fogo e construídas com a finalidade de garantir a proteção de pessoas e bens, em casos de incêndio. Desse modo, o equipamento impede a passagem do fogo ou fumaça entre os cômodos, auxiliando as pessoas a escaparem dessas ocorrências. 

 

Vale lembrar que para receber essa característica, o produto deve atender as recomendações da NBR 15281 que trata sobre portas resistentes ao fogo para entradas de unidades autônomas e compartimentos específicos de edificações. Por isso, recebem classificação do tempo de resistência ao fogo: PRF-30 (30 minutos), PRF-60 (60 minutos) e PRF-90 (90 minutos). 

 

Outros dispositivos que passam por ensaios de comprovação para resistência são: ferragens, bandeira, painel e revestimentos. Complementando os diferenciais da porta corta-fogo elas devem conter uma identificação de fábrica com os seguintes dados: identificação do fabricante, classe da porta conforme a NBR 15281, número de ordem, mês e ano da fabricação. 

 

Mitos e verdades sobre a porta corta-fogo

 

Em linhas gerais, produtos específicos para determinadas finalidades causam confusão e propagação de informações incorretas. É o caso da porta corta-fogo, pois existem vários modelos para imóveis residenciais e comerciais, com acessórios diferenciados, conforme o tipo de edificação.

 

Por esse motivo, elencamos aqui as informações corretas e as incorretas sobre o equipamento, confira:

 

As portas corta-fogo são iguais (MITO): existem vários modelos do equipamento, os quais podem variar de acordo com o local onde serão instalados, e ainda, opções de cores e acabamento. Por isso, a afirmação não procede. O que deve ser padronizada é a avaliação e cumprimento da NBR 15281, sobre especificações e classificações. 

 

Portas corta-fogo não precisam de manutenção (MITO): como qualquer porta, a corta-fogo também precisa de cuidados na higienização, monitoramento (a cada seis meses), checagem de selos e avaliação da condição geral. Cabe reforçar que a fiscalização é feita por órgãos fiscalizadores e as irregularidades são passíveis de multas. 

 

Portas corta-fogo impedem entrada de fogo e fumaça (VERDADE): vale reforçar que o isolamento varia de acordo com a classificação do tempo de resistência. Os demais componentes como dobradiças e fechaduras também são produzidos com materiais resistentes às altas temperaturas.

 

Portas corta-fogo tem opções com visores (VERDADE): semelhante a uma pequena janela, é instalado para visualização do local e identificação de vítimas ou novos focos de incêndio. Como toda a estrutura é diferenciada, o visor deve ser feito de vidro aramado transparente, ter 6,5 milímetros de espessura e tamanho máximo de 50 centímetros.

 

Portas corta-fogo são acústicas (VERDADE): as portas corta-fogo com característica acústica são identificadas pelo batente, no qual, é instalado gaxetas de vedação com fechamento na parte inferior, reduzindo o som em até 35 dB (decibéis). 

 

Como você pode observar, as informações consideradas mitos decorrem da falta de informação e pesquisa sobre a porta corta-fogo. O equipamento é um item imprescindível na segurança do imóvel, por isso, deve ser priorizado no projeto construtivo ou em reformas. 

 

Na Sincol você encontra o kit resistente ao fogo, elaborado para atender as exigências técnicas e da norma NBR 15281. Desse modo, o produto possui as seguintes características: portas 100% compactas com estrutura exclusiva, classificação PRF-30 (resistência de 30 minutos ao fogo e fumaça), redução acústica de 31 dB, dobradiças de alta resistência (convencionais ou molas) e batentes com fitas intumescentes que impedem a passagem de gases tóxicos. 

Visite nosso site e conheça os detalhes do nosso kit resistente ao fogo.

Avalie este conteúdo!
Posts relacionados

Deixe um comentário

Pin It on Pinterest

Share This