PRF-30 PRF-30

PRF-30: conheça mais sobre a porta corta-fogo da Sincol

5 minutos para ler

A segurança das edificações, seja para fins de moradia ou comércio, deve constar em todos os projetos de construção civil. Atender as normas de segurança e incluir soluções para proteção dos usuários não são diferenciais, mas sim, uma obrigação dos responsáveis pelas obras e a porta corta-fogo e uma dessas exigências. 

Nesse sentido, trouxemos informações relevantes sobre portas corta-fogo, instaladas em imóveis e prédios, residenciais e comerciais. É fundamental que os produtos categorizados com esse fim (impedir ou dificultar a passagem de fogo e fumaça) atendam as principais recomendações da Norma Brasileira (NBR 15281). 

Além disso, apresentaremos detalhes do Kit PRF-30, produzido e comercializado pela Sincol, de forma que você, consumidor, tenha informações técnicas suficientes para compreender a importância do produto. Continue a leitura e fique bem-informado!

 

O que são portas corta-fogo?

As portas corta-fogo são estruturas construídas para oferecer resistência em situações de incêndio. As peças devem seguir normas distintas, dependendo do local onde serão utilizadas, por exemplo, algumas são destinadas para saídas de emergência e outras para unidades autônomas e de compartimentos específicos em edificações.

Nesse artigo vamos falar do modelo para residências e apartamentos, regido pela NBR 15821. Inicialmente recebem classificações de acordo com o tempo de resistência ao fogo: PRF-30, PRF-60 e PRF-90. É válido reforçar que para receber essa comprovação são verificados (em testes), a folha da porta e componentes como ferragens, bandeiras, painéis e revestimentos. 

Outro ponto de atenção para profissionais e consumidores é observar a identificação das portas corta-fogo. Nas placas devem constar as seguintes informações: identificação do fabricante, classe da porta, número de ordem, mês e ano de fabricação. Além disso, os dados devem ser colocados em locais visíveis, na porta ou no batente. 

Na legislação brasileira existem medidas de segurança contra incêndios, as quais são conceituadas como passivas (prevenção constante e planejada) e ativas (combate aos focos de incêndio). Dessa forma, a instalação de portas corta-fogos é considerada uma ação preventiva, já que atuará de forma a retardar a proliferação das labaredas, fumaça e gases, nos demais cômodos da edificação.

 

Diferenciais do produto

As portas corta-fogo precisam atender diversas exigências das normas reguladoras para receberem a certificação. Entre elas, está a resistência ao fogo que avalia as seguintes condições: resistência mecânica, isolação térmica, vedação às chamas e gases tóxicos. 

Nos modelos com visores de vidro, as dimensões são limitadas (0,20m X 0,50 m) e a resistência ao calor deve ser, de no mínimo, 50% da classificação da porta (por exemplo PRF-30), ou seja, 15 minutos. 

Além disso, é recomendável que a instalação do produto seja efetuada por empresas ou profissionais especializados, já que a montagem requer o cumprimento de etapas específicas. Complementando as indicações desse procedimento, é necessária inspeção visual, antes e depois de realizar o trabalho. 

 

Conheça a porta corta-fogo PRF-30 da Sincol

A Sincol é uma empresa pioneira na produção de conjuntos de porta pré-montadas e desenvolveu uma solução específica de corta-fogo e vedação acústica. Trata-se do Sinkit, modelo que conta com usinagem do berço da fechadura, dobradiças exclusivas, sistema de amortecimento, limitadores e meia-esquadria para batentes. 

O conjunto é composto por uma porta, cuja estrutura interna é formada por uma chapa isolante maciça, cabeceira e soleira de madeira dura, com espessura de 45 mm. Os componentes que integram o kit são elaborados em conformidade com as exigências das normas oficiais.

Em relação aos batentes, são disponibilizadas opções laminadas ou revestidas com enchimento sólido e fitas intumescentes (em todo perímetro), borracha e vedação com sistema regulável. As guarnições seguem o mesmo padrão de qualidade com larguras variáveis (50, 63 e 98mm) e apresentam sistemas H ou de meia esquadria com regulagem de até 25 mm. 

 

Como manter a vida útil das portas corta-fogo?

Os cuidados para a manutenção das portas PRF-30 iniciam na etapa de limpeza, por isso, quando for efetuar a higienização retire o pó com uma flanela macia, umedecida com água e sabão neutro. Em casos mais difíceis, a opção é utilizar álcool etílico para molhar o pano, seguido de outro seco, para secar toda a superfície. 

Uma recomendação importante é evitar esponjas ásperas que podem riscar as portas e o uso de produtos químicos como querosene, acetona, solventes e lustra móveis. Esses produtos podem danificar a porta, impactando na garantia de fábrica. 

Em casos de desgaste natural, as peças podem ser envernizadas para restaurar o aspecto original. A recomendação é utilizar vernizes a base solvente, pois, os que utilizam água na mistura podem não aderir a camada original da porta. De qualquer forma, consulte o manual de instruções do kit da Sincol ou entre em contato com o departamento comercial da empresa, quando tiver dúvidas. 

Por fim, esperamos que você aproveite as informações apresentadas sobre as portas corta-fogo e se sinta seguro para adquirir o produto. Como ficou comprovado, ao optar por esse tipo de peça, você terá proteção redobrada para seu imóvel e família. Acesse nosso site e compare as vantagens do Sinkit.

 

[Catálogo] Conheça a nossa linha completa de porta e Kit Porta Pronta

Avalie este conteúdo!
Posts relacionados

Deixe um comentário

Pin It on Pinterest

Share This